Fatores predisponentes da síndrome de Bernout em trabalhadores de um hospital público de médica complexidade

Carolina Brito Goulart, Maria do Carmo Lourenço Haddad, Marli Terezinha Oliveira Vannuchi, José Carlos Dalmas

Resumo


A Síndrome de Burnout é resultante de exposições prolongadas ao estresse no ambiente de trabalho ou em situações da vida pessoal. O profissional acometido pela doença apresenta exaustão física e mental, desencadeando problemas emocionais na vida pessoal e profissional. Este estudo buscou identificar os agentes estressores e fatores predisponentes da síndrome em trabalhadores de um hospital público de média complexidade da cidade de Londrina- PR. Trata-se de um estudo quantitativo, realizado com 187 trabalhadores. Foi aplicado um questionário semiestruturado, criado por Christina Maslach, Califórnia – EUA, e validado para uso no Brasil por Benevides-Pereira em 2001. A análise dos dados apontou que os trabalhadores de todas as categorias encontram-se sob efeito de fatores predisponentes da síndrome, englobando aspectos pessoais, organizacionais, de trabalho e sociais.


Palavras-chave


Esgotamento Profissional; Doenças Profissionais; Saúde do Trabalhador; Riscos

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22421/1517-7130.2010v11n2p48

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

 Espaço para a Saúde 
Av. Iguaçu, 333 . Rebouças
Curitiba/PR Brasil
CEP: 80230-020
Tel: +55 (41) 33101500

Email: espaco-saude@fpp.edu.br
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional